MDIC e Apex realizam missão ao Irã com foco em agronegócio e indústria

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex) realizam na próxima semana a primeira missão comercial ao Irã em cinco anos. Na visita, as instituições pretendem prospectar negócios e apresentar seminários sobre oportunidades para o comércio bilateral entre os países.


Na pauta estão segmentos do agronegócio, como o de proteína animal e o sucroalcooleiro, além de áreas do setor industrial. A missão ocorre após o país árabe firmar um acordo histórico com os Estados Unidos e outras potências para limitar o seu programa nuclear.


Em nota, a Apex afirma que a viagem se dará entre os dias 25 e 29 de outubro e também inclui visitas técnicas. Participam da missão 19 companhias brasileiras, das quais 11 já exportam ao Irã.


No agronegócio, a visita reserva oportunidades para a carne bovina. Em 2010, o Irã chegou à segunda colocação do ranking de importadores do Brasil, adquirindo 191,2 mil toneladas e gerando US$ 807,3 milhões em receitas.

Em entrevista ao Broadcast Agro (serviço de notícias em tempo real da Agência Estado) em julho, o diretor executivo da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), Fernando Sampaio, disse esperar que o acordo nuclear leve a nação a aumentar suas compras. "Chegamos a ter uma participação de 90% neste mercado, então esperamos um impulso significativo (na exportação)", afirmou. Na visita oficial também serão discutidas oportunidades nas áreas de cana-de-açúcar e derivados, alimentos e frutas.